Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por cá...

Por cá...

Queridos, estou a mudar a casa

Pronto, virei-me para a Bricolage e Decoração... ando a papar blogs e revistas de decoração, a tirar ideias e inspirações. Fiz listas de várias lojas, comparando preços e afins, escolhi tecidos, cores e tintas e e pus o homem a restaurar móveis na garagem. As velharias que ninguém queria e que considero tesourinhos! 

Tudo baratinho, muita reciclagem de peças antigas, algumas pinturas de cores diferentes e muito 'Faça você mesmo'' e vou dar uma cara nova à sala com pouco dinheiro. Tou confiante... aguardemos com esperança que fique bem. E bonito já agora, que jeito para a decoração é uma coisa que não me assiste, confesso!

 

Dos saldos e compras

Andei aqui a cuscar os sites das lojas para ver uma ou outra peça a comprar nos saldos. Queria aproveitar para comprar umas blusas ou tops, já que numa limpeza ao roupeiro, livrei-me de uns quantos, ou porque não usava, ou porque já não estavam em condições...

Cansei-me rapidamente e nao consegui decidir-me por nada... e não, não estou doente, não tenho febre nem baixou nada em mim... tem mesmo a ver com as peças em si.

Nos saldos anteriores, comprei uma blusa branca, num tecido fluido que me pareceu de qualidade, tinha um bom corte e estava com um bom preço de saldo. Pareceu-me um bom negócio, mas foi só até a lavar pela primeira vez... o tom branco foi substituido por um acizentado que eu ainda estou por perceber. Mas isto não acontece só com esta blusa, é mesmo com toda a roupa. Há umas 2 ou 3 semanas comprei um básico branco com uma amiga no shopping e após a primeira lavagem já está amarelado. E não, não usei lixivia nem nada... Os brancos ficam amarelados ou acizentados, as malhas ganham borboto logo nos primeiros dias de uso, fora as t-shirts que perdem forma... Pior só mesmo quando compramos uma peça estampada e quando lavamos as cores misturam-se! Detesto, dá vontade de ir à loja e deitar aquilo abaixo. Isto, numa altura em que ando especialmente cuidadosa e atenta ao meu dinheiro, faz com que eu perca a vontade de comprar seja o que for: adorei um top lindo na Mango, mas por ser branco desisti da compra. Porque já sei que era só mais um para usar uma vez e esquecer.

E isto nem tem a ver com a loja ou com o preço, já comprei caro, já comprei mais barato e acho que o problema é geral. 

Ah, aproveite os saldos e invista em peças de boa qualidade e bom corte... Olha, eu bem queria, mas onde?!

Oops

Que o Universo me perdoe por cuspir alegrias diante da derrota de nuestros hermanos, mas a verdade é que o resultado de ontem do jogo de Espanha com o Chile apaziguou um pouco o meu coraçãozinho.

Serei má pessoa por pensar assim?

É que é quase como pensar: Vá não fiques assim, há gente que está pior que tu.

E há mesmo. Os Espanhóis por exemplo! Ainda que possa ser só até Domingo! 

New Mood

Pois que o famigerado teste final até que correu benzinho… saí de lá bem mais leve, com a sensação de missão cumprida e segui o meu rumo.

Ainda havia muita coisa para fazer e muito assunto para tratar, e acho que não vou esquecer tão cedo o meu desespero e aquela conversa ao telefone no meio do metro do Marquês.

As coisas entretanto também já acalmaram mais um pouco e a ajuda que me era tão precisa acabou por aparecer, ainda que vinda de outro lado. Curiosamente [ou não], mais uma vez veio do lado mais desinteressado e por onde os laços de sangue não passam. Veio daqueles que só estão porque querem e não porque assim ditam as normas e as convenções ou a genética. A esses, estou imensamente grata. Guardo-os no coração e espero recuperar forças para aquele abraço tão apertado quanto o aperto que me tiraram do peito.

 

Os dias vão correndo ligeiros, a confiança e a esperança vão aumentando, as coisas vão sendo relativizadas e o ar começa a ficar mais leve. Sei que ainda me esperam turbilhões, sei que muito provavelmente ainda virei aqui escrever que tudo é uma porcaria, que as coisas não correm nada bem e que muitas lágrimas por causa disto ainda vão rolar, mas faz parte. E eu estou cá para as aceitar, e para depois de me permitir cair, como na semana passada, me levantar de novo, arrumar as ideias e o coração e encher-me de força para dar mais uns passos, até chegar ao fim. E eu vou chegar lá.

Confesso que estes dias de sol e calor, e a praia ao fundo da rua, também ajudam muito a levar as coisas com outro mood :)

Pág. 1/2