Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Por cá...

Por cá...

E já que estou do contra...

... sim, foi lindo o gesto da Angelina Jolie. Mesmo!!!

Foi importante a comunicação social fazer a cobertura da acção dela e salientar que a mastectomia nestes casos já se faz em Portugal há muito tempo, talvez como forma de encorajar outras mulheres a faze-lo. Mas dei comigo a pensar e a falar com uma amiga: Aqui as reconstruções mamárias não são comparticipadas e são extremamente caras, nem todos a podem fazer.

No lugar da Angelina, estando eu financeiramente impossibilidada de reconstruir posteriormente o peito, faria a mesma coisa?! Teria a mesma ''coragem''? E ela própria? Retiraria o peito mesmo assim?!

Pensei na M. uma amiga que retirou o peito e vive até hoje com a esperança de um dia o vir a reconstruir. Esperança essa que vai decrescendo de dia para dia com o avançar da idade, com o fantasma do desemprego, com as prestações da casa vencidas... A M. retirou o peito porque teve que ser. Não foi opção. Vive assim, mutilada porque não teve escolha. Assim como a Ana.

Pensei no que elas sentiram quando viram a Angelina Jolie fazer do sacrificio delas uma escolha tão fácil (pelo menos foi isso que aparentou: ser fácil).

Desculpem lá, mas heroínas, para mim, são estas mulheres.

 

 

 

6 comentários

Comentar post