Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Por cá...

Por cá...

Até ficar ryca

Isto de trabalhar ao fim de semana, é cansativo. Extenuante. Mau. Digam o que disserem.

E quando ouço as célebres palavrinhas desdenhantes ''ninguém quer trabalhar aos fins de semana pá!'', pergunto-me sempre se realmente as pessoas que as proferem, trabalham de facto aos sábados e aos domingos. Geralmente não.

Trabalho aos fins de semana desde os meus 14 anos (vou nos 30) e posso dizer que não há hábito nenhum que se instale, portanto aquela ideia de que ao fim de um tempo nos habituamos, é completamente errada. Esqueçam lá isso, trust me. Chegamos a sexta-feira completamente extenuados da semana toda que passou. Dos horários apertados, do ram ram das refeições a horas, das idas ao supermercado, das miudezas que preenchem os dias que só queremos parar. Porque mesmo que trabalhemos ao fim de semana, temos durante a semana as rotinas normais de qualquer outra pessoa. E por isso, já não temos a mesma paciencia ou força quando chegamos a sábado (principalmente quem trabalha no atendimento, o que é o meu caso). E é aqui que eu fico às vezes um pouco frustrada, porque, mesmo entendendo isto tudo, não consigo esconder algum cansaço e a frustração de às vezes não conseguir fazer em 2 dias (sábado e domingo) aquilo que se vai acumulando de 2ª a 6ª.