Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por cá...

Por cá...

Momento Romântico no blog da Ângela

Reparem na musica abaixo minha gente... Reparem no moço! No seu arzinho, e no colar à '50 centimos' que o menino traz. E a canção?!

É um rapaz sofredor minha gente! Romanticamente sofredor...

E ao mesmo tempo, uma pessoa extremamente capaz e adulta ao ponto de resolver os seus problemas... reaparem só: encontrou rapidamente uma solução: exclui a moça do hi5!!! Que ao que parece era uma galdéria!

Excluimos a moça, ou moço, no meu caso seria um moço e pronto!

Acho mesmo sinceramente que que na altura em que o meu ex-namorado me deu com os pés, teria evitado muito sofrimento se tivessemos os 2 um hi5. Assim excluia-o e pronto!

E um éme-ésse-éne também!

Uma espécie de catarse esse momento do clique no 'remove friend'... 'bloquear contacto' ou lá o que é...

Ai, ai... já ninguém sofre assim... só me apetece gritar: ''Elvinho, filho, vamos fazer o amorrrr...''

 

 

Escolhas...

Ao longo do tempo, fui-me habituando a conseguir aquilo que queria. Não me habituaram a isso, fui eu que assim me fui fazendo! Fui conseguindo sozinha alcançar as coisas a que me propunha. Outras que não consegui, tenho consciência de que foi por minha causa também. Porque desisti, porque entretanto apareceram outras lutas, ou porque pura e simplesmente aquilo que para mim era um objectivo a ser alcançado, deixou de ter interesse.

Talvez esteja mal habituada, ou então o facto de ser demasiado exigente comigo mesma, fez com que eu me obcecasse demasiado em conseguir atingir aquilo a que me propunha, fosse o que fosse, desde uma grande coisa até a uma coisinha de nada, que dei por mim completamente esgotada, com a cabeça a ferver, e a esticar as 24 horas do dia em mil e uma tarefas...

Chegava ao fim do dia frustrada, cansada e desanimada...

E dou-me conta que tenho que estabelecer prioridades. Tenho que abdicar de umas coisas em prol de outras... Não me posso dar por vencida, mas também não posso gastar energia e força com algo perfeitamente dispensável que eu quero só porque sim, e tenho que aprender e aceitar que não posso ter (e ser) tudo...

 

Don't give up!

As coisas raramente correm da forma que queremos ou planeamos. Para sermos mais correctos, quase que podemos mesmo afirmar que as coisas NUNCA correm correm da forma que queremos ou planeamos. E sabemos disso. Sabemos também que não podemos desistir, baixar os braços é algo completamente fora de questão e há que lutar ainda mais e mais para conseguirmos aquilo que queremos alcançar!

Mas quando as coisas acontecem uma vez, duas vezes, três vezes... e andamos às voltas com a situação, e por mais voltas que dermos a solução parece cada vez mais distante, o desânimo é inevitável. Quando sentimos o 'finalmente, está quase' e depois algo desmorona como um baralho de cartas... é dificil mantermos a calma e a força para continuar.

Mas apesar de desanimar muitas vezes e de me deixar afectar pelas situações, nunca fui de me deixar vencer. Elas nunca me controlaram, nunca deixei que isso acontecesse. E é por isso que irei de alguma forma dar a volta à situação. Ainda que demore mais tempo. Mesmo abdicando de muitas coisas, mesmo apertando, mesmo com muito custo e com muito tempo, hei-de lá chegar. Não vou morrer na praia... vou parar lá um pouco. Vou apanhar um pouco de sol, descansar para recuperar baterias e depois faço-me ao caminho... que ainda é bem longo!

 

 

...

O fim de semana foi óptimo obrigadinha por perguntarem! E a saudinha também vai bem obrigada!

A semana passada foi horrivel, cansativa, desgastante e mais coisas más que se lembrem... esta promete ser um bocadinho melhor... pelo menos mais calma!

O fim de semana apesar de curto demais, deu para descomprimir...

 

 A unica coisa que me preocupa tem a ver com o meu homem... imaginem uma data de problemas em cima de voces... problemas esses que voces conseguem resolver e no fim fica a faltar uma coisinha que também está encaminhada porque alguém disse: 'Não te preocupes que a gente ajuda!' e depois roem a corda e voces acabam por ''morrer na praia''.

 

Conhecem essa sensação?? ''Morrer na praia''?

Uma merda é o que é!

Weekend

Estou oficialmente de fim de semana!

E planeio aproveita-lo bem... Praia, leituras (que estão muito em atraso), um filme que ando para ver há uma data de tempo... um cafézinho, uma saída a dois, outra a 3, jantarinho simpático... descanso! Enfim, tudo aquilo a que tenho direito. Tudo aquilo que preciso para recarregar as baterias que estão mesmo muito descarregadas!

A ver se a próxima semana se torna mais produtiva e eu ande mais bem dispostinha e escreva qualquer coisa de jeito (ao contrário dos ultimos dias!)

 

Um bom fim de semana a todos voces também!

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D