Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por cá...

Por cá...

Boa semana

Pois que o fim de semana foi muito bom.
Muito trabalho na sexta, mas que foi compensado com uma boa noite de sono até à manhã alta de sábado. Poucas vezes durmo tanto e tão bem!

Depois, rumei com ele até uma esplanada e estraguei-me com um belo de um hambúrguer cheio de molho, batatas fritas e tudo a que tenho direito. Isto enquanto o sol nos aquecia o corpo e o rosto.

 

De tarde, recebemos a visita de uma amiga para um café. Um belo de um passeio pela praia e o cafézinho na esplanada a 3 com uma vista lindíssima.

No domingo, o passeio repetiu-se acompanhado de um belo de um gelado e terminamos em grande com um banho retemperador e perfumado e um bom filme.

Era do que eu precisava para relaxar e recomeçar uma semana de trabalho. A ultima antes de uns merecidos dias de férias!

 

Crise II

''Talvez não fosse má ideia as meninas perceberem e aceitarem a ideia de que existem pessoas com mais dinheiro, que tem um estilo de vida diferente do vosso e que não podem de maneira nenhuma ser criticadas por esse motivo. Também essas pessoas vão fazer sacrificios, à sua maneira é certo, mas vão fazê-los. Não se pode querer comparar estilos de vida diferentes, porque não são, de todo, comparáveis. Só o que é semelhante se pode comparar.
Por exemplo, eu tenho um bom carro, a mim e ao meu trabalho o devo, mas não é por isso que vou deixar de dizer que o gasóleo está caro, nem admito que me digam algo do género "há e tal, tens um bom carro por isso podes" = ignorância pura.
Com franqueza, criticar o facto da senhora da reportagem ter uma bimbi? Se não tem porque não pode, paciência, se aquela pessoa tem é porque pode e ainda bem para ela e para os senhores que vendem a bimbi. Criticar o outro porque eu não tenho igual e queria?? Que mentalidade mesquinha.
E é claro como a água que a culpa é do Passos Coelho, até porque foi ele que governou e ditou os destinos do país nos últimos anos. Já ouviu o que dizem os banqueiros deste país ? Faça-o, mas com atenção e por favor, não venha com a conversa à Louçã, sobre os banqueiros.''

 

Recebi este comentário ao post anterior da Juliana.

Obrigada desde já pela sua opinião e pelo comentário deixado.

 

Aconcelho-a no entando a reler o post, pois pelo conteudo do comentário que deixou, ficou claro que não entendeu o que está lá escrito. Nunca critiquei ninguém por levar um estilo de vida melhor que o meu... aliás, quem mo dera! O que aqui se critica, é o facto das pessoas se queixarem das dificuldades, mas que também não abdicam de certos luxos.

Ainda bem para a Sra que tem a Bimby e que pode pagar o colégio privado aos filhotes. Mas se a vida dela a permite a esses luxo, queixa-se exactamente de quê então?!

Ainda bem para si que tem um bom carro, um emprego que lho permite e sim, de facto os combustíveis estão caríssimos.. e eu, por exemplo, tive que alterar hábitos para poder suportar esses aumentos consecutivos. E imagino que a Juliana, para poder ter o carro que tem, abdicou de muitas outras coisas... ou estarei errada?! 

 

Claro que aceito e entendo que haja gente que ganha melhor do que eu, e ainda bem que assim é.

Mas agora pergunto: considera justas estas diferenças sociais no nosso país?

E isto, ao contrário do que possa pensar, não é um discuro à Louçã. É apenas a minha opinião. É que eu, pessoalmente considero tremendamente injusto, por exemplo, um idoso que trabalhou toda a sua vida, chegar agora à fase em mais precisa de cuidados e de um estilo de vida digno e ter que optar pela sopa ou pelo medicamento. E ter que viver com 200€. E nem sequer se poder queixar porque o estilo de vida dele e do vizinho são incomparáveis!

 

Quanto ao comentário sobre o Passos Coelho, acho que também não o entendeu: eu culpo-o sim sra, pelo estado actual em que nos encontramos (com um governo demissionário e sem a confiança nos mercados). Obviamente que ele não é o unico culpado, nem eu nunca disse que era!

Não o culpo por toda a situação económica e social que vivemos. Isso Juliana, é culpa de todos os governantes que tivemos nos ultimos 25 anos. Que brincaram aos governos em vez de governar!

 

Mas lá está... é apenas a minha opinião. Tenho direito a ela, assim como a Juliana tem direito à sua!

 

 

A crise...

Tou farta de ouvir falar de crise.

Farta de ligar a rádio e de hora em hora se ouvir falar do mau estado das contas publicas, das empresas de rating, do défice, da crise... tudo!

Ligo a tv e há telejornais que alternam notícias que já não são notícia para ninguém, sempre à volta do mesmo assunto... e fazem reportagens sobre familias que, coitadas, tiveram que mudar os seus hábitos... mas não tivemos que o fazer todos?!

Eu também mudei os meus hábitos, deixei de fazer coisas que fazia, reduzi muito em coisas que comprava... comecei a pensar duas vezes antes de gastar dinheiro em algo que não considere de 1ª necessidade. Vivo com menos luxos e há dias em que realmente me sinto frustrada, porque como trabalho, acho que merecia poder fazer mais coisas que me dão prazer, comprar mais um livro, ter mais tempo para o ler e por aí...

Mas olhando em redor, vejo que não me faltam os bens necessários e por isso, tenho é que seguir em frente e redefenir prioridades. Aceitar que nunca ninguém tem dinheiro para tudo o que quer e que não há governo que resolva isso.

Daqui a 3 semanas entrarei em férias. Uns dias de descanso que bem preciso. E quero fazer coisas que me dêm prazer. Quero lanchar numa esplanada, quero pegar no meu sobrinho e leva-lo ao cinema, quero namorar à beira-mar... só que para poder fazer estas coisas todas, tenho que aceitar que existem outras, das quais vou ter que abdicar.

Seria grave, se nos telejornais que tanto apregoam a desgraça do país, vissemos uma familia a ter de escolher entre a refeição para por na mesa ou o medicamento necessário para a sua saúde. Porque infelizmente, existem pessoas a viver assim... Mas não foi isso que a tv mostrou! No Telejornal, eu vi uma sra que muito se queixava da vida, enquanto cozinhava numa panela Bimby, que custa quase dois ordenados dos meus e tem o menino na escola privada, porque, ai Jesus, é impensável ir para uma escola publica...

E eu, que apesar de não poder fazer muitas coisas que gostaria, senti-me tremendamente ofendida com aquela reportagem.

 

 

Boticário

Retomando as futilidades dos posts abaixo, um dos cuidados que tenho comigo é o de hidratar a pele.
Porque, mesmo para dormir gosto de me sentir bonita e feminina e essas coisas todas e, depois daquele banho relaxante ao fim do dia, ponho o hidratante no corpo, um bem cheiroso, que me deixe a pele macia e o pijama perfumado, depois visto um pijama bonito e faço do banho, essa coisa tão banal, um momento para me mimar e para me sentir bem. Para relaxar e esquecer o dia que passou...
Acontece que estes dias o meu creme de corpo acabou... Desde há uns tempos que uso um com acção refirmante. Tem um cheirinho bom, é bem absorvido pela pele e mesmo o preço é simpático.
Houve uma altura em que comprava estas coisas compulsivamente. Hoje comprava um e usava, mas numa ida às compras trazia outro para experimentar e ia acumulando produtos de banho (géis de banho, esfoliantes e cremes) que nunca chegavam ao fim... Até que dei um basta e fui usando os que tinha em casa, um a um, até acabarem e agora compro apenas quando preciso. Daí que quando o meu body milk acabou, eu não tinha nenhum para o substituir.
Uma das coisas boas de morarmos com a nossa irmã, é que podemos trocar alguns produtos e foi isso que aconteceu... usei o hidratante dela.
E é assim qualquer coisa... de bom!
O cheirinho, a pele macia, a facilidade com que se espalha...
Estou rendida ao Boticário... pronto!

 

 Se os restantes produtos forem assim (e pelo que se lê pela blogosfera, são mesmo) prevejo muitas (algumas vá) compras futuras no boticário :)

 

 

Update!

E vai daí, hoje trouxe mesmo almoço para o trabalho.

Fiquei por cá, almocei descansada, submeti a declaração de IRS, a minha e a do P* e ainda deu para ir ali ao lado tomar o cafezinho e ler o jornal, todo ele forrado a azul e branco... ah pois é!

 

Amanhã trago almoço de novo... vamos ver como corre esta semana.

 

 

Pooooooorto!

E pronto... hoje tou muito bem disposta! É que nem o simples facto de ser segunda-feira e eu pensar sempre em coisas como 'suicidio' à segunda-feira me atira ao chão!

O dia está liiiiiindo minha gente...

 

Viram aquele final? Yeeeey... E o apagão ainda deu um ar mais romântico à comemoração!

Kiss you all (ai felicidade, felicidade...)

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D