Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Por cá...

Por cá...

Friendship

Já aqui falei dos meus conceitos de amizade muitas vezes. Das vezes em que falhei (e admito que foram mais vezes do que aquelas que eu gostaria), das vezes em que me surpreenderam, das outras em que me entreguei e até das que me enganei e com muita pena minha, tive que renunciar.

Não sou uma pessoa de afectos fáceis, mas penso sempre no lado bom das pessoas, acho-as sempre gente de bem, até que me provem o contrário. Mas por outro lado, reconheço que não me dou com facilidade e por cada passo que dê em frente, em direcção a alguém, dou mais dois atrás. No entanto, quando decido que vou confiar, quando decido seguir em frente... sigo inteira. Não me dou pela metade, não confio apenas ''...até certo ponto''. Sou das perguntam se está tudo bem e pára para ouvir a resposta. Sou das que sorri a sério e pára interessada (com interesse verdadeiro) para ouvir as novidades boas ou más de quem encontra na rua. Das que compreende as limitações dos outros, das que ajuda, das que ouve... Mas há uma coisa que eu exijo sempre: Reciprocidade. E nem sempre recebo isto de volta. E quando começam a falhar, quando me começo a sentir um apêndice, posso demorar a colocar um ponto final na história que ia escrevendo com a pessoa em questão, mas ele acaba sempre por aparecer. E aí posso dizer que é definitivo. Ela passa a ter para mim o mesmo estatuto que eu sinto ter para com ela.

Mas não fui sempre assim.

Aprendi com os meus erros e com os erros que tiveram comigo. Assimilei, arrumei o cabelo da cara, sequei os olhos e segui em frente. Lembro-me de dois casos em particular em que errei. Em que fui que não se deu. Fui eu que falhei. Perdi gente de que gostava, gente que me acarinhou, gente que se deu, que me secou as lágrimas, gente que me aliviou um dia, o coração que outrém me deixara partido... Gente que eu achara que havia perdido à séria. E definitivamente.

Até que sexta-feira, depois de um dia esgotante de trabalho e de relações falhadas, cheguei a casa e peguei no telefone que tocara entretanto: ''Olá linda, tenho saudades tuas e de conversar contigo. Sou a K e quem me deu o teu nº foi a tua irmã. Para quando combinamos um café?''

A K foi uma dessas pessoas. O coração bateu mais forte, agradeci a Deus por ma ter trazido de volta 5 anos depois, e marquei para domingo seguinte, à noite, um café. Eram 3h da manhã quando cheguei a casa. De coração cheio.

 

''Para se fazer um amigo, leva-se quase uma vida inteira. É preciso terem sido pobres juntos e, às vezes, felizes.''
(L. Crescenzo)

 

E nós duas, já fomos pobres, já fomos felizes, já chorámos, já fomos as mais afortunadas e as mais miseráveis... juntas.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D